No boteco

40 anos de Construção

O ano de 1971 foi um ano marcante. Por várias razões. Dentre elas, o lançamento do álbum Construção, de Chico Buarque.

Repleto de clássicos, o disco mistura uma sonoridade inovadora com letras afiadas: cortantes e desconcertantes.

É o velho Chico no seu mais nobre e belo estilo.

Registro no boteco minha homenagem a esta obra-prima com uma espécie de reconstrução do poema do Chico.

Esta brincadeira você confere na seção poemas nômades.

Anúncios

03/01/2011 - Posted by | Uncategorized

2 Comentários »

  1. Se eu fosse muitos e muitos anos mais velha, ia fazer de tudo pra casar com ele, tão inteligente e tão bonito… HAHA!
    Começou o ano mto mto bem aqui, tio lindo! Tô com saudades s2

    Comentário por Rosa | 09/01/2011 | Responder

  2. Vivo as poesias de Chico como se fossem parte da minha história. Quase todas as mulheres vivem Chico a flor da pele, mesmo sem saber. Tenho fascínio por esse homem inteligente, inovador e sagaz . Fantástico!

    Adoreiii! fale sempre de Chico. Beijo

    Comentário por Marcela Schincaglia | 14/01/2011 | Responder


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: